5 DICAS DE SEGURANÇA PARA EMPREGADOS NA CONSTRUÇÃO CIVIL


Se você já viu X-Men – Apocalipse, deve ter entendido a referência! Ter uma conduta que garanta a segura no trabalho é fundamental, ainda mais se você atua em locais que apresentam riscos, como é o caso da construção civil. Pessoal, acidente de trabalho não é fatalidade. É falta de prevenção! Lembre-se que você precisa voltar vivo e com saúde para casa! A construção civil é um segmento no qual é comum ocorrerem acidentes, já que os trabalhadores lidam com materiais pesados de obras diariamente. Para que a segurança esteja sempre garantida, além de investir em equipamentos e materiais de qualidade, também é preciso tomar alguns cuidados. Conheça cinco dicas de proteção! CUIDADOS BÁSICOS É importante enfatizar que a saúde do trabalhador deve estar sempre em primeiro lugar. É preciso investir não apenas em materiais que visam a proteção física, mas também atender às necessidades do organismo humano. Por isso, durante as horas de trabalho é imprescindível cuidar de hidratação e alimentação adequadas para que a pressão arterial continue normal e o indivíduo não corra riscos. Mais do que isso, os trabalhadores ficam expostos, dependendo do tipo de obra, à jornada inteira sob a luz do sol. Portanto, além do uso de roupas adequadas para este serviço, o protetor solar também é essencial. NORMAS O primeiro passo para oferecer mais proteção aos trabalhadores da construção civil é conferir se estão sendo respeitadas as normas regulamentadoras de segurança, que são de responsabilidade do Arquiteto ou Engenheiro responsável pelas obras. Todas elas estão previstas na Portaria N°3.214/78 do Ministério do Trabalho e devem ser respeitadas. No caso do uso e manipulação de equipamentos pesados, a portaria define como material para uso contínuo dos EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) - botas de borracha, capacete, luvas, protetores auriculares, máscara e óculos de proteção. EQUIPAMENTOS Em caso de uso ou manipulação de equipamentos pesados, é os EPIs são obrigatórios. Devem ser usados durante todo o período de trabalho. Assim, evitam que os trabalhadores fiquem totalmente expostos a possíveis lesões e perigos. CANTEIRO Supervisionar o canteiro de obras diariamente antes de iniciar os trabalhos é de suma importância. Ao checar andaimes, plataformas, solo e pavimentações, é possível identificar possíveis falhas na instalação de maquinários, o estado do local e cada um dos equipamentos utilizados. Além disso, é essencial que haja sinalização em locais específicos, principalmente quando há graxa, óleo e água em determinado espaço. Não deixe de verificar se todas as passagens estão desobstruídas e com um bom espaço de locomoção para que o trabalhador possa caminhar tranquilamente. PLANEJAMENTO Mesmo com o uso de todos os equipamentos e respeitando as necessidades fisiológicas do corpo humano, nada disso funciona se o planejamento for um ponto fraco. Os profissionais envolvidos devem ser devidamente capacitados e conhecer todas as etapas do processo para que possam ajudar de acordo com a sua experiência profissional e sem correr perigo.

Back to Top